8 motivos para alugar um carro e viajar pela Islândia

A Islândia é uma país com paisagens incríveis. Por isso, alugar um carro na Islândia pode ser a melhor opção para desbravar o país

A Islândia é um país que provavelmente está no topo da lista de desejos da maioria dos viajantes amantes da natureza. Nós podemos garantir: o país é ainda mais incrível do que as fotos na internet mostram.

A ilha é pequena, tem apenas 103.000 km², paisagens “lunares”, outras cobertas de gelo, tem fiordes, cavalos peludos, chão de lava vulcânica, cachoeiras imponentes, poças de água fervente, muito ar puro e paisagens que deixam qualquer um de boca aberta.

Get ready, it’s new #triptofollow #iceland #travel #nature #dji 🎬 @triptofollow 🎧 @dreguazzelli

Uma publicação compartilhada por Trip To Follow (@triptofollow) em

Alugamos um carro na Islândia para desbravar o sul do país e, sem dúvidas, foi a melhor opção e a que nos deu mais possibilidades e liberdade para aproveitar e otimizar o tempo por lá. A Islândia tem estradas desertas e paisagens que parecem ter saído de um filme.

Nossa viagem aconteceu em janeiro, o que significa: inverno + neve + gelo = necessidade de um carro 4×4. Por isso, pegamos um Kia Sportage com a Blue Car Rental e, sem dúvidas, isso deixou a nossa viagem ainda mais segura e especial.

Se você quiser encarar umas estradas não pavimentadas, é extremamente importante alugar um 4×4. Para chegar em alguns pontos como crateras de vulcões e glaciares no centro do país, por exemplo, você terá que enfrentar estradas tipo “F”, onde apenas os carros “todo-terreno” são permitidos e as estradas são praticamente trilhas. Se você enfrentar uma estrada dessas com um carro 2×4, você provavelmente perderá o seguro e ainda corre o risco de levar uma multa.

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Gabriel Bester)

SERVIÇO
Blue Car Rental
Site: www.bluecarrental.is
Email: blue@bluecarrental.is
Telefone: +354 773 7070
Facebook: Blue Car Rental
Endereços: Blikavellir 3 / 235 Keflavik Airport
Instagram: @bluecarrental

| Alugando um carro na Islândia

A primeira coisa é decidir a época do ano que você estará na Islândia. Se for inverno, pegue o 4×4. Decidido isso, os próximos passos são bem simples.

Na Blue Car Rental não é preciso deixar nenhum depósito. É apenas necessário apresentar um cartão de crédito válido na chegada, como garantia. O cliente também poderá usar um cartão de débito de 16 dígitos. A Blue Car Rental aceita cartões Visa, MasterCard, American Express, Union Pay, Discovery, Diners Club e JCB.

Todos os carros da empresa oferecem milhagem ilimitada (muito importante!), impostos, seguro para danos ou colisão, seguro contra roubo e contra cascalho. Esse último também é de extrema importância, já que esse tipo de imprevisto é muito comum nas estradas do país.

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Gabriel Bester)

Outro item muito bom oferecido pela Blue Car Rental é o aluguel de Wifi. Sim, acredite, eles oferecem esse serviço! O roteador WiFi 4g vai te ajudar a checar as estradas, o clima e, claro, te ajudar a usar o GPS ou Waze. É literalmente uma mão na roda. Esse roteador portátil vem com dados ilimitados e pode ser usado por vários dispositivos ao mesmo tempo.

Todos os carros vem com aquecimento de banco (Obrigada, Blue Car, isso nos salvou muito!) e a maioria deles está equipado com USB e AUX, além de sistema Bluetooth. Dá para caprichar na trilha sonora e deixar a viagem ainda mais agradável! Também é possível alugar como extra as “roof boxes (caixas que vão no teto do carro). O período mínimo de permanência com o carro alugado é de 48 horas.

Decidido o que você quer, entre no site, escolha o período que você estará por lá, o modelo de carro, o local de retirada e devolução (nós retiramos e devolvemos no aeroporto internacional de Keflavík) e começar a busca pelo carro perfeito.
Assim que você escolhe, basta clicar em “escolher este carro”, checar tudo que já está incluso e acrescentar extras, se necessário. Coloque suas informações pessoais e vá para a área de pagamento. Pronto!

Você pode retirar o carro em qualquer dia da semana e a qualquer hora do dia. A Blue Car Rental oferece assistência de emergência 24 horas por dia, 7 dias por semana. A empresa tem parceiros de serviços em todo o país caso haja alguma emergência.

| Carteira de motorista

Para alugar um carro na Islândia é necessário ter uma habilitação válida. Além disso, é preciso ter mais de 20 anos para alugar um carro 2×4 (ou um 4×4 pequeno), ou mais de 23 anos para alugar um SUV 4×4.

A carteira de habilitação brasileira (CNH) é reconhecida na Islândia. Portanto, não há com o que se preocupar. A carteira internacional não é obrigatória, apesar de algumas empresas de aluguel de carro solicitarem. A Blue Car Rental não solicita.

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Tati Sisti)

| Estradas

Principalmente se você viaja de carro na Islândia no inverno, é necessário checar as condições das estradas antes de sair do hotel.

Usamos diariamente o site roads.is, que mostra em vários níveis de condições, como está exatamente o percurso que iríamos percorrer naquele dia, se há estradas fechadas e como está o trânsito. É muito bom!

Além disso, a Rodovia 1, também conhecida como ‘Rodovia do Anel’ – uma das mais usadas na nossa viagem -, tem 1.328 km de extensão e dá a volta completa na ilha. Ela é 100% pavimentada e recebe completa atenção durante o inverno, ficando sem gelo durante toda a temporada.

Essa estrada tem uma pista que vai e outra que vem e praticamente não tem acostamento. Toda atenção deve ser redobrada por lá!

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Tati Sisti)

Apesar disso, vale lembrar que apenas cerca de um terço da malha rodoviária da Islândia é pavimentada e ter em mãos um carro seguro é de extrema importância.

Ah! A velocidade máxima permitida nas estradas do país é de 90km/h, quando a rodovia está em perfeitas condições. Isso significa: sem nevasca, sem gelo no asfalto. Caso contrário, é recomendável que você faça a viagem atingindo uma velocidade máxima de 70 km/h.

| E o combustível, é caro?

Sim, não dá para negar. No nosso caso, um litro de diesel custou aproximadamente 201 ISK, equivalente a R$ 6,50.
É caro e você precisa estar com o tanque bem cheio quando estiver viajando. Não tem muitos postos de combustível espalhados na estrada, então é melhor se garantir.

Além disso, esqueça frentistas: lá você faz todo o trabalho sozinho, inclusive o de checar pneus e água, por exemplo. Mas não se preocupe porque todas as bombas mostram um “passo a passo” de como fazer esse procedimento. Na segunda vez você já vai estar craque.

Mesmo assim, ainda vale a pena alugar um carro na Islândia. Por quê? Te conto abaixo, 8 razões para alugar um carro na Islândia.

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Tati Sisti)

1. Islândia não tem transporte ferroviário

Esqueça trens e metrôs na capital (e, claro, fora dela), assim como você deve esquecer transporte público nas cidades pequenas. É estranho pensar que num país de primeiro mundo que o transporte público seja quase inexistente, mas e verdade.

Em Reykjavik é fácil se locomover sem carro (em algumas linhas de ônibus), mas se você estiver com um, pode ser ainda mais fácil. É necessário pagar estacionamento em praticamente todas as ruas, mas os valores variam entre R$ 4 e R$ 7, dependendo da localização, tempo e dia da semana. Na maioria das ruas é possível estacionar de graça na noite do sábado e aos domingos.

Mas se você for viajar para outros lugares, o carro é praticamente um item indispensável. Muitos dos principais atrativos turísticos da Islândia ficam fora das regiões povoadas e a probabilidade de você conseguir chegar nela sem ser de carro ou sem ser em tour são nulas.

Boa parte das atrações naturais do sul do país são grátis, mas é necessário pagar estacionamento. Nestes locais, os preços podem chegar a até R$ 14.

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Gabriel Bester)

2. Você pode caprichar no roteiro

Independentemente se seu plano é dar a volta no país ou ficar só na região sul, como nós fizemos, você vai poder fazer um roteiro invejável.

Levante todos os pontos que você quer conhecer e trace a rota perfeita. Reserve mais tempo do que o GPS indica que você vai gastar porque você provavelmente vai fazer algumas paradas extras para admirar alguma paisagem incrível.
Se algo tomou mais tempo do que o esperado, tudo bem! O roteiro é seu e você pode remanejar o dia seguinte, certo?

3. Você vai economizar

Provavelmente nem tudo que você quer conhecer pelo país é perto, ou no centro da cidade. Aliás, as cidades do sul da Islândia (com exceção de Reykjavik) são minúsculas e sem atrações, tendo que rodar alguns quilômetros para chegar ao seu ponto de interesse.

Fechar um tour pode sair bem caro, levando em consideração que os principais atrativos do sul da Islândia são grátis e você pode chegar neles sozinho, apenas digitando o endereço no GPS. Nada mal economizar alguns Kronas Islandesas nesse país tão caro!

Além disso, a Islândia não tem pedágio (nós não pegamos nenhum durante nossa viagem). O combustível também não é dos mais baratos, mas um carro a diesel pode ser uma boa opção para quem quer economizar nesse aspecto, principalmente nas estradas mais retas.

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Gabriel Bester)

4. Você vai ver paisagens incríveis

Nada como ter a liberdade de curtir a estrada no seu tempo, com seus amigos, namorado, familiares etc. Pode apostar, a estrada em si faz a viagem ser ainda mais incrível. Cada curva vai te surpreender, já que a natureza da Islândia é de tirar o fôlego!

Pode se preparar para encontrar com vários cavalos islandeses (aqueles que parecem um pônei e são bem peludos), várias montanhas nevadas, cachoeiras, rios azuis e, claro, o mar. Você vai querer parar em cada cantinho.

5. Você tem mais liberdade de horários

A trilha é longa e você quer ir cedo. Tudo bem. Ou o dia anterior foi cansativo e você quer dormir até mais tarde. Tudo bem também. Não tem nenhum ônibus te esperando na porta do seu hotel.

Se a estrada é mais bonita, você pode parar para tirar fotos quantas vezes quiser. Se a estrada pede mais cautela, você pode ir na velocidade que te dá mais segurança. Ou seja, flexibilidade e liberdade total para o seu roteiro!

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Tati Sisti)

6. Não é tão difícil quanto você pensa

Te assustei falando das estradas com neve ou gelo? Não se preocupe. Chegando lá, tudo é muito mais simples do que parece.

Praticamente todas as estradas da Islândia são uma mão que vem e outra que vai e, apesar de pegarmos as estradas bem vazias, sempre tem algum carro passando caso você precise de ajuda.

Apesar de não ser tão sinalizada, a Islândia tem placas suficientes para você não se perder por lá e o Waze funciona perfeitamente.

7. Tudo bem se você não tiver hotel

É muito comum encontrar campervans na estrada. Por isso, há muitos lugares específicos para quem quer estacionar e passar a noite por lá. Mesmo nas cidades pequenininhas é possível encontrar algum camping.

A maioria dos campings cobra uma taxa para pernoite, que inclui banheiro e pias. Nós não escolhemos esta opção mas nos informamos e descobrimos que não há com o que se preocupar nesses casos.

Se você alugar uma capervan, poderá economizar com comida, por exemplo, considerando que os restaurantes são bem caros.

8. Você pode ter um bônus

Se você estiver viajando pela Islândia de carro no inverno, tem grandes chances de ver a aurora boreal.

Como as estradas são escuras, a probabilidade de você se deparar com esse fenômeno da natureza são grandes! Viu algo suspeito no céu? Procure um lugar para estacionar o carro e se delicie com esse espetáculo.

Nós não tivemos essa sorte porque estávamos por lá em lua cheia (a melhor época para ver Aurora Boreal é na lua nova), mas na caçada à Aurora Boreal, pudemos ver estrela cadente (e dirigir na nevasca). Valeu a pena? Muito!

Viagem de carro pela Islândia (Foto: Tati Sisti)

Tags:  

  1. Ja ando a planear esta viagem faz algum tempo, gostei da vossa experiência no inverno. Anotei algumas dicas, parabens!

  2. A Islândia é mesmo incrível! eu to aqui economizando meus dinheirinhos pra conhecer esse lugar fantástico e alugar um carro pra ir pra todo canto possível

  3. ótimas dicas para conhecer a Islândia! Eu prefiro viajar de carro sempre que possível e essa me parece uma boa opção pra explorar a terra da Bjork 🙂

  4. Ai, ai, fiquei aqui pensando na aurora boreal, meu sonho! E me diga, o sul é a melhor parte da Islândia? Quero muito ir e quase que o marido comprou passagens para o ano que vem, mas não deu certo, hehehe. Adorei a dica, quero também ir de carro depois de ler o teu post, apesar do preço do combustível. Ótimo post.

  5. Ótimo post! Adorei as dicas super práticas como o carro ser 4 x 4 ou os poucos postos de abastecimento pelo caminho, tendo que o tanque estar sempre cheio. Impressionante o carro todo coberto de neve rsrs

  6. Que viagem mais espetacular ♥️ realmente, um sonho! Sou bem adepta ao transporte público e dá pena saber que não funciona tão bem… O negócio é juntar dinheiro e alugar um carro mesmo 🙂 o lado bom é isso, ir sem grandes planos de roteiro e seguir a viagem mais flexível

  7. Conduzir com gelo e neve deixa-me muito receosa, essa é uma viagem que não posso fazer sozinha com o meu filho. Mas tiveram atenção a todos os detalhes, até bancos aquecidos. Tendo em conta as temperaturas em janeiro, aposto que agradeceram aos céus por isso….

  8. Que interessante! A Islândia é um país que quero visitar e dirigir com neve pode ser um desafio! Adorei a postagem bem bacana e com dicas fora da curva!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>