Pukeatua: farmstay com cara de casa perto de Auckland

O Pukeatua Farmstay, como o próprio nome já diz, fica afastado do centro de Auckland, mas é perfeito para quem quer ficar em contato com a natureza

Durante nossa roadtrip pela Nova Zelândia cruzamos o país de ponta a ponta de carro. Começamos a viagem na ilha norte, mais precisamente em Auckland. Como a Nova Zelândia é um país com uma natureza muito rica, nosso primeiro hotel não podia ser diferente: um farmstay.

Esse tipo de acomodação fica na zona rural e é muito comum no país, além de muito procurado por quem quer explorar locais mais tranquilos, ficar em contato com os animais locais, fazer caminhada, etc.

SERVIÇO
Pukeatua Farmstay
Check-in: a combinar
Check-out: a combinar
Endereço:
35 Taylor Road, Waimauku, Auckland, Nova Zelândia
Telefone: +64 9 411 9545 / +64 21 57 22 22
E-mail:  info@pukeatua.co.nz
Facebook: Pukeatua
Instagram: @pukeatuafarmstay

Assim que chegamos no aeroporto, por volta das 6h da manhã, fomos direto para um dos pontos turísticos mais famosos de Auckland, a SkyTower, exploramos uma parte de devanport e logo partimos para o Pukeatua Farmstay, que fica mais ao norte de Auckland, em Waimauku, aproximadamente 33km, cerca de 35 minutos de carro.

Logo que chegamos fomos recepcionados por Tatjana, matriarca do local, além de seu marido, seus dois filhos, dois gatos, um cavalo, algumas galinhas e alpacas.

| Acomodação

Fomos acomodados no nosso estúdio que tem acesso tanto pelo lado de fora quanto por dentro da própria casa de Tatjana (mas você tem total liberdade para mantê-la fechada se quiser). Não espere luxo, mas tenha certeza que terá muito aconchego.

Pukeatua Farmstay (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua Farmstay (Foto: Tati Sisti)

A acomodação tem um quarto com cama queen size, sala equipada com TV, Apple TV, Blueray, alguns filmes, jogos de tabuleiro, mesa, e um sofá-cama confortável. Além disso, a geladeira tem leite, café e chá a vontade e o banheiro é amplo e com chuveiro quentinho.

A sala tem uma porta de vidro que leva para a parte externa e ainda oferece um visual incrível. Tudo é extremamente confortável, simples, mas muito bem decorado e com tudo que você precisa à mão.

O estúdio acomoda de 1 a 4 pessoas em um ambiente totalmente familiar, perfeito para quem quer “se sentir em casa longe de casa”. O local também é perfeito para quem quer descansar e relaxar.

Pukeatua Farmstay (Foto: Heidi Moriyama)

Pukeatua Farmstay (Foto: Heidi Moriyama)

| Incluso

O Pukeatua Farmstay oferece café da manhã, já incluso na diária, que é servido na sala de estar da casa principal. Leite, café, chá, pães, manteiga, frios… Simples, mas exatamente aquilo que você deseja antes de sair para mais um dia de turismo.

Apesar de nenhuma outra refeição estar inclusa, fomos calorosamentee convidados a jantar uma massa com a família. Nada melhor depois de uma longa viagem e um dia muito bem aproveitado.

Como chegamos no Pukeatua Farmstay depois do almoço, aproveitamos para bater um papo com a família, além de conhecer o terreno e alimentar as alpacas

Pukeatua Farmstay (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua Farmstay (Foto: Tati Sisti)

| Localização

O Pukeatua fica afastado do centro da cidade, mas é perfeito para quem quer ficar em contato com a natureza. Chegar lá é mais fácil do que parece, já que o GPS te leva exatamente ao ponto final.

A maior dificuldade – ou estranheza – é que você pode não estar preparado para chegar em uma zona totalmente rural em uma cidade famosa por ser urbana.

| O que fazer

Fazer as atividades da região faz parte de uma estadia em um Farmstay. Por isso, que se hospeda no Pukeatua, pode andar à cavalo, visitar a Muriwai Beach, que conta com uma das maiores colônias de gannets (gansos-patola) da Nova Zelândia, caminhar pela Woodhill Forest, assistir ao pôr do sol, passear de caiaque no rio Rangitopuni. Opções não faltam. Veja algumas ideias de atividades sugeridas pelo Pukeatua.

Nós fomos convidados por Tatjana a conhecer uma loja de vinhos que fica ali perto. Apesar de a vinícola não ser aberta para visitação, podemos provar um vinho local. O The Hunting Lodge Winery é uma empresa familiar e não distribui vinho para todo o país. Por isso, saia de lá com uma garaffa do seu vinho favorito. O Pinot Noir Rose Marlborough foi nosso favorito!

Pukeatua Farmstay (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua Farmstay (Foto: Tati Sisti)

Os visitantes podem fazer uma degustação no balcão do local que também funciona como restaurante e oferece petiscos e pratos seletos que harmonizam perfitamente com os vinhos da casa. Ao todo, provamos 6 diferentes (com direito a repetir os favoritos). Além de tudo, o lugar é lindo, “perdido” no meio da natureza. O passeio vale muito a pena!

| Preço

Como a casa tem apenas um estúdio para turistas, o preço pode variar de acordo com a procura, época do ano e número de dias. Os preços variam entre NZ$149 e NZ$189. Lembre-se que muitas das atividades sugeridas pelo Pukeatua não precisam de investimento extra (exemplo: passeio à cavalo, alimentação das alpacas, passeio na praia, etc).

A vantagem e o diferencial desse tipo de estadia é que é muito mais fácil negociar o horário de check-in e check-out.

Veja mais fotos na galeria abaixo:

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

Pukeatua (Foto: Tati Sisti)

***  Em roadtrips longas como esta, é indispensável alugar um carro com seguro completo e analisar as condições de retirada em um ponto e devolução em outro. Faça um orçamento completo com a Hitch Rental Cars.

Além disso, para maior segurança e tranquilidade, faça sempre um seguro viagem. Nós fizemos um com a Chancetour Viagens, que tem um preço bem acessível e ampla cobertura! A tranquilidade de saber que você está seguro em todos os aspectos faz com que você curta muito mais sua viagem. Peça seu orçamento aqui!

Tags:  

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>