Brasileiros voltam a dar as caras em Miami após investimentos

Depois da fase de recesso, é a cool e conectada região de Brickell que marca a nova era de expansão imobiliária em Miami

Os últimos 25 anos foram de grandes mudanças na paisagem urbana do centro de Miami. A cidade foi crescendo, passou por um momento de expansão exponencial e se tornou um dos lugares mais desejáveis do mundo para se visitar, viver e fazer negócios. Hoje, Miami é um centro cultural, comercial e empresarial e muitas dessas mudanças aconteceram na região de Brickell que recebeu investimentos em diferentes setores.

“Desde 1993 houve um aumento considerável no número de apartamentos construídos no sul da Flórida, região esta que passou a ser mais valorizada e grande parte desse crescimento imobiliário se deve a aquisição de apartamentos em Miami por pessoas não nativas, sejam elas vindas de outras regiões dos Estados Unidos ou até mesmo outros países, o que inclui o Brasil”, afirma Craig Studnicky, diretor da ISG World Miami Report. Craig esteve em são Paulo na última terça-feira, 4 de dezembro, para apresentar as perspectivas do mercado imobiliário norte-americano – com foco na Flórida – para 160
consultores imobiliários.

Brickell City Centre (Foto: Divulgação)

Brickell City Centre (Foto: Divulgação)

“Temos um legítimo interesse no mercado brasileiro que é o responsável por movimentar grande parte desse setor em Miami. Em meados de 2012 esse movimento de compra estava superaquecido, mas com as mudanças econômicas no país, houve uma queda nesse processo de aquisição. Agora, com um novo momento político e econômico, as perspectivas voltaram a ser boas”, finaliza.

O evento contou também com a presença de Maile Aguila, vice-presidente sênior e diretora de vendas para o Swire. Com mais de 30 anos de experiência no mercado financeiro e imobiliário, a VP da empresa aproveitou a oportunidade para apresentar aos brasileiros o mais recente empreendimento do grupo chinês: Reach and Rise. Duas torres residenciais supermodernas que fazem parte do Brickell City Centre, um complexo de mais de USD 1 bilhão com 501,7 mil metros quadrados, que abrange um shopping center e o hotel EAST, Miami. Durante sua apresentação, Maile Aguila também ressaltou a importância do Brasil para o empreendimento, já que 12% dos apartamentos das torres vendidos até o
momento foram para brasileiros.

Reach and Rise (Foto: Divulgação)

Reach and Rise (Foto: Divulgação)

Um dos principais aspectos que atraem esses compradores é a conectividade, já que o projeto foi pensado para ser completamente integrado com novos espaços para morar, trabalhar, fazer compras, se divertir e relaxar. Além disso, o complexo se tornou um verdadeiro símbolo arquitetônico para a região e está integrado também com os centros de transporte de Miami, como a estação de trem urbano Miami Metromover e com fácil acesso a todas as principais rodovias.
Os brasileiros, aos poucos, voltam a investir em Miami, mas dessa vez buscam algo único e o Brickell City Centre atende perfeitamente esse desejo.

* Com informações da TL Portfolio

Tags:  

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>